Início Sociedade Naifadas em pandemia: Vítima deve estar a dois metros, contra superfície plana,...

Naifadas em pandemia: Vítima deve estar a dois metros, contra superfície plana, agressor tem de arremessar facas

-

Depois dos acontecimentos deste fim-de-semana, na praia de Carcavelos, a Direcção Geral de Saúde acaba de lançar um conjunto de orientações para esfaqueamentos durante a pandemia. Recorde-se que, já na semana passada, a DGS tinha feito um conjunto de recomendações para as cenas de pancadaria.

Sobre os esfaqueamentos, ao contrário do que era costume, vítima e agressor não podem estar agarrados.

“De maneira nenhuma, o agressor deverá colocar-se a pelo menos dois metros, contra uma superfície plana, tal como no circo, é igual, os braços abertos e as pernas afastadas”, explicou a Dra. Graça Simplícia.

“Nisto”, continua a directora-geral de Saúde, “o agressor deve arremessar a arma branca, ou melhor, nós defendemos que não o faça, porque não é de bom tom, mas se tiver que o fazer deve respeitar estas medidas”.