Início País Telemedicina: Muitos utentes têm de ir para o chat às seis da...

Telemedicina: Muitos utentes têm de ir para o chat às seis da manhã para conseguirem a teleconsulta

"A auscultação por vezes não é fácil, pois o paciente não se chega suficientemente perto do ecrã", lamenta o Dr. Simplício.

-

Com a crise provocada pela pandemia de Covid-19, tem-se verificado um aumento exponencial de telemedicina.

Em vez das consultas presenciais, os pacientes estabelecem agora contacto com o seu médico por videoconferência. “A auscultação por vezes não é fácil, pois o paciente não se chega suficientemente perto do ecrã”, lamenta o Dr. Simplício.

Sendo um método totalmente novo, a telemedicina mantém, no entanto, alguns vícios do passado. No caso das teleconsultas dos telecentros de saúde, os teleutentes têm de ir para o chat às seis da manhã para conseguirem uma teleconsulta.

“Sim senhor, estou cá desde as seis da manhã e vamos lá ver”, explica Simplícia, às três da tarde. “Olha, olha, sou eu agora…”, parece que foi chamada.