Início País Depois de verem a EDP a vender as suas barragens, portugueses também...

Depois de verem a EDP a vender as suas barragens, portugueses também estão a vender as suas ruas

Publicidade

“Quantos quilowatts isto produz? Oh meu amigo, aqui esta rua nem produz quilowatts, eles tiveram de inventar uma unidade de medida nova, porque eram muitos algarismos”, explica Simplício, enquanto tenta vender a sua rua inundada como barragem. 

“É que a rua é a descer, está a ver, então lá em baixo é que está o gerador, isto é uma carga que dá para iluminar várias cidades europeias”, acrescenta, “se isto por algum motivo falha, porque vá, às vezes parte-se uma peça… metade da Europa fica às escuras, posso lhe garantir”.

Depois da notícia da venda das barragens pela EDP, que terá rendido à eléctrica 2,2 mil milhões de euros, os portugueses foram à janela, viram a água pela segundo andar e nem é tarde nem é cedo. “Vende-se barragem”, puseram logo online. 

Até esta decisão, as queixas eram várias e até já se falava em pedir apoios. No entanto, quando perceberam que podiam vender a rua, os portugueses já só pedem que a Elsa volte para encher mais um bocadinho.