Depois de abrirem um livro, jovens foram à loja reclamar pois não trazia carregador, nem cabo USB, HDMI, nada, só trazia as instruções

[the_ad id=”10494″] Esta segunda-feira foi Dia do Livro, que é ao mesmo tempo o mais popular objecto de decoração e o mais eficaz calço para aquele móvel que precisava de ganhar uma altura.

Por ser Dia do Livro, muitas lojas fizeram descontos, o que levou alguns jovens a procederem à aquisição de um exemplar, pois não encontraram nenhum “review” mas às vezes encontram-se umas coisas interessantes.

Quando chegaram a casa, o entusiasmo era grande, mas rapidamente perceberam que tinham sido enganados. Depois de abrirem o livro, não encontraram o carregador, nem um cabo usb ou hdmi, nada. Muitos voltaram à loja.

“Olhe, começa logo pelo carregador, que não traz, não sei se isto dá para carregar naqueles universais, mas não se admite”, reclama João Lombada, numa livraria, “depois não traz cabo USB nem HDMI e eu gostava de saber como é que ligo o livro à televisão ou mesmo ao computador”.

“Se formos a ver bem, isto só traz mesmo as instruções”, concluiu Lombada, que quis o dinheiro de volta.

[the_ad id=”13302″]