Início Política Centeno congela verbas individualmente para não ter de descongelar tudo quando só...

Centeno congela verbas individualmente para não ter de descongelar tudo quando só precisa de uma

Publicidade

Há uma mudança grande no novo orçamento, face ao do ano anterior. Para além de Mário Centeno ter previsto o congelamento de mais verbas, o ministro das Finanças também passou a congelá-las em embalagens individuais. A ideia é não ter de descongelar tudo quando precisa apenas de uma verba.

“Aprendemos com esse erro, no ano passado, pois tínhamos congelado verbas todas juntas e depois só precisávamos de uma niquita aqui ou acoli e tínhamos de descongelar verbas para quinze dias”, explicou Centeno.

Assim, desta vez as verbas estão cada uma no seu invólucro especial de congelação. “Vens aqui e tiras uma verba, estás a ver? Só descongelas esta”, vai explicando o ministro a um secretários de Estado. “Muito mais prático, sem dúvida”, reconhece.