Carlos César diz que Bloco “não manda no país” nem sequer são seus primos afastados

Carlos César deu início às jornadas parlamentares dos socialistas com um ataque ao Bloco de Esquerda, afirmando, com todas as letras, que os bloquistas não mandam no país. 

O líder parlamentar socialista lembrou mesmo que eles nem sequer são seus primos afastados, pondo por isso de lado qualquer hipótese de tocarem na chicha. 

“Teriam que se casar com algum César para almejar mandar em alguma coisa”, concluiu. 

Recorde-se que as declarações de Carlos César foram feitas durante uma visita a uma fábrica de abate de aves, em Viseu, pelo que de certa forma também se atirou ao PAN.