Portugueses descansados: Se o Ébola aparecer aí, o Ministério da Educação coloca-o bem longe

IFO mundo está muito preocupado com o avanço do Ébola, mas em Portugal está tudo tranquilo, isto porque o Governo deu instruções ao Ministério da Educação para tratar do assunto.

O ministro da Saúde ainda perguntou “então e eu?”, mas o primeiro-ministro disse «psst, deixa o Crato tratar disto, confia em mim”.

A ideia, segundo o Imprensa Falsa conseguiu apurar, é fazer tudo com muita calma. O Ébola chega aí, tratamo-lo como docente, entra na roda gigante do Crato e pronto, nem ele sabe para onde é que vai.