Sábado, Maio 28, 2022
InícioPaísPortugueses concordam com a semana dos 4 dias mas querem acabar com...

Portugueses concordam com a semana dos 4 dias mas querem acabar com a segunda, que é quando os combustíveis sobem

Os portugueses voltaram esta segunda-feira a falar na semana dos 4 dias, reabrindo um debate que vindo a ser feito em vários países. No entanto, ao contrário do que se poderia pensar, a ideia não é deixar de trabalhar às sextas-feiras.

“Trabalhar à sexta-feira nem custa assim tanto, porque aquilo à sexta-feira já não é bem trabalhar, é só traba, ou seja, metade, porque uma pessoa já está com a cabeça no forró”, afirma Simplício, que representa os portugueses na luta pela semana dos 4 dias.

- Publicidade -

“O que nós queremos é acabar com a segunda-feira”, explica, “mas não se trata apenas de não trabalhar à segunda, é eliminar mesmo o dia, ficava sábado, domingo, terça, quarta, quinta e sexta”.

Em causa está, claro, o facto de os combustíveis subirem sempre à segunda-feira. Confrontado com o facto de, acabando-se com as segundas-feiras, também não se poderia verificar uma eventual diminuição do preço, Simplício começou a rir-se e ainda não parou.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Publicidade -

Últimas