Segunda-feira, Julho 1, 2024
InícioPolíticaMinistro da Educação viaja bastante porque raramente acerta no destino à primeira...

Ministro da Educação viaja bastante porque raramente acerta no destino à primeira

IFNuno Crato tem estado a ser criticado pelo número de viagens que tem feito, mas o Imprensa Falsa sabe que há uma explicação técnica para isto. O sistema que organiza as viagens do governante é o mesmo que trata da colocação dos professores e por isso raramente acerta no destino à primeira.

«Escutem cá, eu não ia a uma reunião em Bruxelas?», perguntou o ministro da Educação, esta segunda-feira de manhã. «Ia sim senhor, senhor ministro», respondeu um assessor. «Então o que é que eu estou a fazer em Abu Dhabi?», quis saber o responsável.

«Só pode ser um erro, senhor ministro, vamos tratar de o colocar imediatamente em Bruxelas», apressou-se a garantir o assessor, enquanto tratavam de tudo no Ministério. «Já está em Bruxelas, senhor ministro?», perguntaram então os assessores, algumas horas mais tarde. «Bangkok!», respondeu Crato. «E agora, senhor ministro?», perguntaram outra vez os assessores, na esperança de que o ministro já estivesse, como deve ser, em Bruxelas: «Esperem, deixem-me perguntar a um local… please, where am I?… Lima? De verdad? Esto és Piru? Balle, gracias… Estou no Peru, bom, é melhor voltar para Lisboa, até porque a reunião em Bruxelas já deve ter terminado.»

«Sim senhor, senhor ministro, Lisboa é fácil, vamos já colocá-lo de volta», confirmaram os assessores. «Então, tudo a correr bem, senhor ministro?», perguntaram algumas horas mais tarde. «Sim, sim, já estou no táxi a caminho do ministério, mas não esperem por mim tão cedo pois acabaram por me colocar no aeródromo de Bragança, de modo que ainda agora estou a passar a Mealhada», informou o ministro.

Apoiar o IF

Tenha a bondade de auxiliar o IF com a sua bondade, por favor.

Artigos relacionados
- Advertisment -

Populares