Listas de espera: Luíz Vaz de Camões tinha a cirurgia à vista já no mês que vem

Luíz Vaz de Camões teria uma cirurgia à vista já no próximo mês graças a uma pessoa que foi para o privado. O poeta recebeu a carta esta terça-feira.

Lamentavelmente, Camões desapareceu em 1580. “As pessoas não sabem esperar, bom, próximo…”, desabafa fonte do Ministério da Saúde.

Entretanto, muitos fãs daquele que é considerado um dos maiores poetas portugueses já vieram reclamar daquilo que consideram ser uma ofensa à memória de Camões, que já não devia estar na lista.

“Então mas ele estava aqui porque a minha colega disse que ele era imortal, ‘ai, o Camões é imortal’ disse ela numa ocasião e eu então achei melhor não tirar da lista”, explica um funcionário do Centro de Saúde de Alcântara.