Internautas não temem que os EUA entrem no seu Facebook, só temem que entre a mulher, o homem, a namorada ou o namorado

facebook-front_179_3177486aUma das medidas de controlo de acesso ao território nacional, dos Estados Unidos, pode vir a ser uma análise às redes sociais dos interessados em obter vistos. À primeira vista, tal invasão da intimidade podia ser considerada um escândalo, mas os internautas revelaram estar confortáveis com essa hipótese.

Na verdade, os internautas não temem que nenhum estado soberano vasculhe as suas redes, só temem que seja a mulher ou o homem, a namorada ou o namorado a conseguir entrar.

“Os Estados Unidos, na boa, até lhes dou a password, a outra é que Deus me livre, que ia ficar quinze dias a dar explicações”, desabafa Simplício.