Início Desporto Infecção de Ronaldo pode ser presente do coronavírus à Suécia por não...

Infecção de Ronaldo pode ser presente do coronavírus à Suécia por não se ter fechado

-

A infecção de Ronaldo antes do jogo entre Portugal e a Suécia está a ser encarado, junto da comunidade científica, como um presente do coronavírus à Suécia por não se ter fechado durante a primeira onda.

“Nós já tínhamos pensado, ‘ele havia de deixar uma lembrança, pronto, assim uma coisa simbólica’, mas nunca pensámos numa coisa destas, estamos mesmo muito gratos, quando é assim vale a pena”, comenta Simpliciö.

Recorde-se que a estratégia da Suécia, para enfrentar o novo coronavírus, passou por manter quase tudo na mesma, restaurantes abertos, centros comerciais, só não podiam esfregar-se uns nos outros sem razão válida, mas com uma declaração da empresa, por exemplo, até isso podiam.

Tal decisão emocionou o novo coronavírus, que é um vírus, mas… caramba, também tem sentimentos, pá. “Isto foi bonito, tudo a fechar-se, com medo, e que basta alguém espirrar para dizimar um continente… foi bonito o que eles fizeram na Suécia”, terá soluçado o próprio coronavírus, que ainda se encontra em Portugal.