Dono do Ikea doou 6 milhões à sua terra natal mas conterrâneos vão ter de cunhar as moedas e imprimir as notas

Skärmavbild+2011-10-22+kl.+09.39.06O dono do Ikea acaba de doar 6 milhões de euros à sua terra natal, talvez num gesto de arrependimento por, ainda menino, ter estado sempre a montar e a desmontar tudo lá na aldeia.

«Ingvar, és capaz de montar a paragem que não tarda está aí o autocarro e o motorista não pára!?», pedia há 80 anos a senhora Simplikiä ao então pequeno Ingvar Kamprad.

Tantos anos depois, o agora milionário faz esta doação, que deixou muito felizes os locais, pelo menos até perceberem que vão ter de cunhar as moedas e imprimir as notas.

«Ora bem, nesta caixa têm coroa, cuproníquel, núcleo, níquel revestido com latão níquelado e as instruções. Seguem também duas toneladas de aço de baixo teor para fazerem as moedas mais pequenas, que dão jeito para trocos», pode ler-se na missiva enviada pelo fundador do Ikea aos conterrâneos, «na outra caixa, que é mais leve, têm resmas de papel, tinteiros e uma impressora de última geração.»

«Ah, é verdadade», lembrou-se entretanto Ingvar, «se sobrar latão níquelado, que deve sobrar, podem fazer uma fonte bonita na praça Centrälk.»