Centeno deve aceitar convite para liderar FMI pois assim passa maior parte do tempo em Portugal

Surgiram esta quarta-feira notícias que dão Mário Centeno como um dos candidatos a liderar o FMI. O ainda ministro das Finanças português não estranhou a hipótese, pois neste momento é candidato a tudo. 

“Ho solo miaúfa di mio fratello Mário”, reconheceu há dias o Papa Francisco, que não teme a nada a não ser a Centeno. 

Certo é que o também presidente do Eurogrupo está disponível para aceitar o convite, se for o caso, pois dessa forma passa maior parte do tempo em Portugal. 

“Não tarda estava de volta e eu até aprecio viajar, mas quando passo muito tempo lá fora começo a ficar com saudades, sobretudo da comida”, terá afirmado Centeno, para quem liderar o FMI é o cargo perfeito pois ganha-se como lá fora mas trabalha-se maior parte do tempo cá.