Cada vez mais pacientes saltam das ambulâncias em andamento com medo de ir para as urgências

Thumbnail.axd«Pare a ambulância, por favor, eu estou bem, isto não é um enfarte é  um cãibra, peço-lhe, não me leve para as urgências», gritava esta tarde Simplício, dentro da ambulância da qual viria a saltar em andamento, ficando com múltiplas fracturas, para além da questão cardíaca, mas pelo menos está a salvo.

Segundo o Imprensa Falsa conseguiu apurar, são cada vez mais os pacientes que saltam de ambulâncias em andamento, por temerem ir para as urgências.

«Senhor Bombeiro, rogo-lhe, isto não é falta de ar, sou só eu que estou a poupar oxigénio, por favor, pare a ambulância», pediu também Simplícia, aos Bombeiros de Vale de Simplícios. «Eu faço-vos um ensopado, por Deus, para as urgências não», insistia esta mulher que viria mesmo a lançar-se da porta lateral do transporte dos bombeiros, lamentavelmente numa altura em que passavam numa ponte, mas pelo menos não vai para as urgências.