Abstenção: Eleições vão continuar a ser domingo à noite, mas agora num programa de dança durante o qual se pode ir votando, custo da chamada 0,60€+IVA

Depois da enorme abstenção nas eleições europeias, realizadas este domingo, foi preciso mudar algumas coisas para levar os portugueses a participarem de forma mais activa na democracia. 

Assim, as próximas legislativas já vão ser no domingo à noite, como sempre, mas agora em vez de propostas políticas, os candidatos vão dançar várias coreografias. Durante o programa, os portugueses podem ir votando, através do telefone, custo da chamada 0,60€+IVA

“É uma injustiça isto só aparecer agora, porque eu a dançar limpava isto, é só o que eu tenho a dizer”, afirmou Nuno Melo, candidato do CDS. “Caneco, penso que ainda teria tido um resultado mais desastroso”, reconhece Paulo Rangel, do PSD, que mesmo assim acha bem que se faça alguma coisa contra a abstenção. 

Quanto ao vencedor da noite, o candidato do PS, diz que está à vontade com tudo, dança, crianças, só não lhe metam cães à frente, que ele ficou com um trauma depois de ser interpelado por um caniche de extrema-direita nesta campanha. 

Entretanto, segundo o Imprensa Falsa conseguiu perceber, o concurso será domingo à noite, como já se disse, sendo que no final aparece o líder do partido e o candidato quando não é a mesma pessoa. Depois começam a aparecer os resultados em gráficos modernos, concluída a votação telefónica.