Portugueses concordam com saída de circulação das notas de 500 euros pois não cabiam nas carteiras

“São muito grandes e muito roxas, olhe para isto, até tenho de andar com elas numa mica”, explica Simplício, que concorda com a saída de circulação das notas de 500 euros, que vão começar a ser recolhidas durante os próximos dias. 

Um dos maiores argumentos para esta decisão passa pelo combate à fuga e evasão fiscais, mas o Imprensa Falsa sabe que a principal razão é as notas não caberem na maioria das carteiras dos portugueses. 

“Finalmente, que aquilo era um exagero, as notas de 500 euros estão para as notas como o Expresso está para os semanários: parecem uma toalha de mesa”, afirma Simplícia. 

Apesar da popularidade, há quem nunca tenha visto uma nota de 500. “Vão sair de circulação? Olhe, nem sabia que tinham entrado”, desabafa um indivíduo.