Governo cria imposto sobre o espirro e espera encaixe de 600 milhões só nesta época de alergias

O Governo acaba de criar o ISE, imposto sobre o espirro, e espera só nesta Primavera um encaixe de 600 milhões de euros. «Atchimmm», espirrou o pobre Simplício, que anda aflito. «Ora bem, são dois euros e meio, mais dez de taxas administrativas e vinte cêntimos de imposto de selo», explicou o senhor das Finanças.

«Ai, espere lá…», pediu, muito atrapalhado o Simplício. «Atchim… aatchim… tchim… tchim… tchim…tchim… tchim…», continuou a espirrar o Simplício.

«Portanto, mais sete», continuou o senhor das Finanças. «Tchim…», espirrou outra vez o Simplício. «Oito», actualizou o senhor das Finanças. «Tchim…», mais um. «Nove…», voltou a actualizar o senhor das Finanças, que passado pouco tempo sem espirros concluiu: «Já acalmou!? Muito bem, são então cento e vinte e sete euros, se fizer o favor… at… at… atchim… Porra. Tchim… Não tenha ideias, porque eu estou isento. Tchim… Porra. Tchim… Tchim… Tchim… Vá, cento e vinte e tchim… tchim… atchim… tchim… cento e vinte e sete euros… tchim.»