Início Ciência Bola de fogo obrigada a regressar: GNR intercepta meteorito que estava a...

Bola de fogo obrigada a regressar: GNR intercepta meteorito que estava a violar recolher obrigatório

-

Em Espanha viram a bola de fogo duas vezes. Uma quando vinha para cá e outra para lá. O fenómeno ocorreu quando o meteorito que abrilhantou os céus a sul foi obrigado a regressar depois de ser interceptado pela GNR de Évora.

“Fizemos sinal de paragem ao meteorito que, depois de questionado pelos guardas no local, não tinha qualquer justificação em sua posse para se encontrar na rua àquela hora”, explica o Comandante Simplício.

“Antes da ordem de regresso, foi ainda levantado um auto porquanto o meteorito circulava à velocidade de 227 mil quilómetros por hora”, acrescenta, “tendo provocado inclusivamente o rebentamento do radar, daí alguns cidadãos terem visto duas bolas de fogo”.

Certo é que, pela primeira vez, um meteorito foi visto a passar para um lado e depois para o outro. As primeiras fontes davam conta de que o meteorito se havia desintegrado sobre Évora, mas a GNR garante que estava a fazer inversão de marcha.